sexta-feira, 21 de setembro de 2018

FUI VOLUNTÁRIO DURANTE 867 DIAS! - 10º DE 29 EPISÓDIOS – OUTUBRO 2014

-Palácio do Calhariz onde a AFL teve a sua primeira sede provisória, graças à Associação Naval de Lisboa, sua inquilina-
 
A seguir é relatado, passo a passo, o movimento diário da agradável e gratificante atividade desempenhada no Museu da Associação de Futebol de Lisboa, localizado no Chiado, como seu responsável, entre janeiro de 2014 e maio de 2016.

Nota: este registo, com imagens, nada mais é do que uma forma de preservar a memória do que de bom se passou naquele período, simplesmente…

01.10.2014-Quarta
1.Entrei às 08H35.
2.Conclui e enviei para os Drs. Nuno Lobo e Vítor Filipe o relatório de atividades do mês de setembro de 2014.
3.Continuou-se na procura de identificação das fotos existentes no gabinete do presidente da direção, Dr. Nuno Lobo.
4.Procedi a aquisição de 26 molduras pequenas, de plástico, à firma “Wang Kangping”, pelo valor de € 21,50.
5.O secretário-permanente da Associação de Futebol do Algarve, Dr. Helder Brito, comunica que tem dois Relatórios e Contas da AFL inexistentes na nossa coleção (1954/1955 e 1956/1957). Vamos pedir que nos envie cópias.
6.Saí às 17H00.

02.10.2014-Quinta
1.Entrei às 08H40.
2.Preparei documento de despesa para o sr. Guilherme Henriques, no total de € 33,75, que regularizou a aquisição do cartão Lisboa Viva (€ 7,00) e passe social (€ 26,75).
3.Continuou-se a identificar os troféus existentes no Museu.
4.Reunião com os Drs. Nuno Lobo e Vítor Filipe e sr. Guilherme Henriques, onde se trataram de vários assuntos, entre eles alguns já focados anteriormente, em 7 de agosto de 2014. A saber:
4.1-Regulamento do Museu. Dada colaboração do sr. Guilherme Henriques espera-se que o esboço fique pronto neste mês de outubro.
4.2-Relatórios e Contas (Anuários). Continua-se à procura dos documentos em falta. Registe-se que as Biblioteca Nacional de Lisboa (3), da Universidade de Coimbra (1) e do Museu Nacional do Desporto (1), contribuíram para amenizar as lacunas. A Associação de Futebol do Algarve também vai contribuir com dois exemplares. Se tal acontecer ficarão a faltar 9, dos 102 emitidos.
4.3-Quanto à atualização das galerias fotográficas dos presidentes de direção (expostas na sede) e dos árbitros internacionais (patentes no Conselho de Arbitragem) foi decidido avançar com a encomenda de 90 molduras à firma “Loja Augusto”, pelo preço único de € 675,00. A execução das necessárias fotos será de harmonia com o orçamento mais favorável à AFL.
4.4-I Encontro dos Museus e Salas de Troféus dos clubes filiados na AFL, continua em estudo.
4.5-Os relatórios de atividades do Museu têm sido remetidos para a chefia do Museu (Drs. Nuno Lobo e Vítor Filipe).
4.6-Visitas ao Museu. Está programada para as 15H00 do dia 10 de novembro (segunda-feira) a presença dos associados do INATEL. Tema que vai ser publicitado na sua revista. Vão ser contactadas as revistas da Câmara Municipal de Lisboa e do Montepio Geral para divulgarem o Museu e o seu horário de funcionamento. Deu-se a conhecer que a visita dos formandos do curso de treinadores no passado dia 20 de setembro (sábado) foi um êxito, face à organização imposta e disponibilidade dos intervenientes.
4.7-É possível fazer a conversão das 41 bobinas de microfilmes com diversos documentos desde a criação da AFL (especialmente as fichas de jogadores e os relatórios e contas) em CD. Aguarda-se orçamento da firma Scan System.
4.8-Recuperação da Taça de Honra e da sua base. O Dr. Nuno Lobo vai contactar o dirigente do Sport Lisboa e Benfica, Dr. Alcino António pedindo-lhe que promova celeridade em tal trabalho.
4.9-Continua a aguardar melhor oportunidade o levantamento total das provas realizadas pela AFL desde a sua fundação, com destaque para o número de participantes em cada qual e os respetivos vencedores. Recorde-se que no trabalho feito em 1990 a decisão, de então, recaiu somente nas provas regulares, ficando excluídas todas as restantes, das quais se destacam os Torneios de Infantis (anos 20), Principiantes, Aspirantes, Seminários, Corporativo e Órgãos de Comunicação Social. 
4.10-Inventariação do Património. Continua em poder do Dr. Vítor Filipe dois orçamentos para analisar e opinar. Também foram recebidos no Museu dois colaboradores da firma IIumini-Consultoria na Área de Investigação, Limitada, de Coimbra que irão apresentar orçamento.
4.11-Registe-se a presença de responsáveis do Museu em todas as sessões de sorteios das provas da AFL.
4.12-Das 17 distinções a entregar aos seus legítimos destinatários, faltam 4.
4.13-Foi apresentado o novo colaborador do Museu sr. Guilherme Bandeira Henriques que falou sobre a sua curta experiência e dos trabalhos que tem desenvolvido, e, entre outras ideias que expressou, sugeriu ser necessário aumentar o espaço museológico.
4.14-A direção da AFL aprovou a proposta do Dr. Nuno Lobo sobre a atribuição do nome do Mestre Joaquim Campos à sala de reuniões do Conselho de Arbitragem. Assunto a tratar com a requerida urgência.
4.15-Deu-se a conhecer os últimos desenvolvimentos sobre o historial do Futsal na AFL, a qual dedicou especial atenção desde 1957/1958!
4.16-A entrega de bolas aos Núcleos de Árbitros, marcada para a próxima segunda-feira, será acompanhada de carta assinada pelo presidente da direção, Dr. Nuno Lobo.    
4.17-Sobre a questão relacionada com o presidente da Associação Desportiva de Oeiras, sr. Artur Alberto Dono Claro Campos, a quem se enviou mensagem eletrónica em 8 de agosto, e se falou telefonicamente em 18 do mesmo mês, e dado não ter havido a desejada e prometida resposta, há que remeter nova comunicação eletrónica.
5.Enviei novamente a mensagem para o presidente da ADO, sr. Artur Campos.
6.Recebida proposta da Scan System (sr. Diogo Gomes), a quem agradeci.
7.Rui Melo vai emitir as cartas a entregar aos Núcleos aquando da entrega das bolas, na próxima segunda-feira.
8.Foi recebida do diretor sr. José Rodrigues placa alusiva à Taça de Futebol de Cascais, promovida pelo Município Local que agradece a colaboração prestada pela AFL.
7.Saí às 16H00 para Torres Vedras, para, a título particular, participar numa palestra.
8.Em Torres Vedras consultei a Biblioteca Municipal na esperança de encontrar documentos relacionados com AFL, mas o resultado foi negativo. Sem despesas para a AFL.
9. O sr. Guilherme Henriques esteve na sessão de sorteios de competições da AFL e falou do Museu. Saiu às 18H45 e não contraiu qualquer despesa para a AFL.

03.10.2014-Sexta
1.Entrei às 08H30.
2.Agradeci à Academia Militar a informação recebida.
3.O sr. Diogo Gomes, da Scan System, presta mais informações. Iremos contactá-lo mais tarde na expectativa de nos facultar a amostra de trabalho pretendido na conversão das bobinas de microfilme em CD.
4.Elaborei o resumo da reunião de ontem e remeti para os Drs. Nuno Lobo e Vítor Filipe e Guilherme Henriques.
5.Falei com o Mestre Joaquim Campos a perguntar-lhe qual a disponibilidade para a cerimónia do descerramento da placa que perpetuará o seu nome na sala de reuniões do Conselho de Arbitragem da AFL (rua dos Fanqueiros). Adiantou que pode estar presente às quartas, quintas e sextas-feiras, entre as 16 e as 18 horas.
6.Sobre o mesmo assunto contactei o chefe de serviços do CA da AFL, sr. João Sargento. Ainda hoje irei saber qual o local ideal onde irá ser fixada a placa com os seguintes dizeres: “Sala Joaquim Fernandes de Campos - Árbitro internacional - Serviu a Associação de Futebol de Lisboa de 1944 a 1974. Homenagem da A.F.L. na celebração do seu 90º aniversário. 5 de setembro de 2014”.
7.Contactei a firma Foto Fixarte, sr. Max, para avançar com a elaboração das fotos que faltam nas galerias. Na próxima semana contactar-nos-á para se inteirar do trabalho a fazer.
8.Pires Alves, árbitro jubilado que está numa série de fotografias a identificar, responde na próxima semana quanto à informação pretendida.
9.Saí às 17H00.

06.10.2014-Segunda
1.Entrei às 08H50.
2.Enviei SMS aos 5 Núcleos e ao presidente Dr. Nuno Lobo a lembrar que é hoje a entrega das bolas de futebol e futsal.
3.Sobre a placa que irá identificar a sala Joaquim Campos no Conselho de Arbitragem, solicitei orçamentos às firmas Cromogravura (Dª Isabel) e Gravotaça (Dª Sofia Marques).
4.Recebido orçamento da Cromogravura: € 95,00, acrescido de IVA.
5.Recebi informação do sr. Max, da Foto Fixarte a dar conta que amanhã estará disponível para ver o trabalho a efetuar, com a presentação prévia de orçamento.
6.Do Departamento de Desporto da Câmara Municipal de Lisboa falou a Dª Fátima Faísca, a saber algo mais sobre o livro a publicar em homenagem ao Mestre Joaquim Campos. Respondi em conformidade, isto é, que nada mais sabia do que a intenção manifestada no almoço/convívio realizado pela comemoração dos seus 90 anos de idade (06.09.2014).
7.Enviado ao Departamento de Desporto da Câmara Municipal de Lisboa imagens e historial dos troféus “Prémio da Cidade”, criado em 1910, e “Caravela em base de mármore”, entregue à equipa vencedora do 1º Torneio lusófono, realizado em 1987.
 
8.No salão nobre do Museu o Dr. Nuno Lobo procedeu à entrega de 5 bolas a cada Núcleo reconhecido pela AFL, sendo 3 de futebol e 2 de futsal, aos representantes dos Núcleo de Brandoa/Amadora (José Padinha), Linha de Sintra (Miguel Castilho), Lisboa (José Luzia), Póvoa de Santa Iria (André Dias) e Torres Vedras (Flávio Ramos). Estiveram também presentes os srs. Guilherme Henriques e Rui Melo. Foram recolhidas imagens deste importante acontecimento.
9.Saí às 18H30 e não foi contraída qualquer despesa para a AFL.

07.10.2014-Terça
1.Entrei às 08H40
2.Da entrega das bolas enviei texto e imagens para o sr. Vítor Badalinho e Engº José Loureiro.
3.Falei com o Mestre Joaquim Campos sobre o projeto do livro e editar pela Câmara Municipal de Lisboa.
4.Remeti para o Departamento de Desporto da Câmara Municipal de Lisboa o currículo do mestre Joaquim Campos e as distinções recebidas a partir de 2004.
5.A fim de tentar a divulgação do Museu na revista do Montepio Geral desloquei-me à sua sede para saber a localização do Gabinete das Relações Públicas Institucionais. Fica na rua General Firmino Miguel, Lisboa, mas telefonei. Aguardo resposta.
6.Com o mesmo intuito fui ao Departamento de Marca e Comunicação da Câmara Municipal de Lisboa (rua Nova do Almada), para falar com a Diretora Drª Fátima Madureira que não consegui. Enviei mensagem através de correio eletrónico (sg.dmc@cm-lisboa.pt).
7.Escrevi para a Agenda Cultural de Lisboa a solicitar divulgação do Museu e horário de funcionamento.
8.Terminei o arquivo de documentos que estavam a aguardar o devido tratamento.
9.Continuou-se a tratar da identificação de taças e troféus, em exposição permanente no Museu.
10.O sr. Max, da firma Foto Fixarte, veio ao Museu para ver o trabalho a desenvolver nas galerias fotográficas dos presidentes e árbitros.
10.Saí às 17H00.

08.10.2014-Quarta
1.Entrei às 08H30.
2.Ontem, pelas 19H20, recebi telefonema do secretário-permanente da Associação de Futebol do Algarve, Dr. Helder Brito, no sentido de se combinar qual a melhor maneira de nos habilitar com as cópias dos 2 Relatórios e Contas da Associação de Futebol de Lisboa referente aos mandatos de 1954/1955 e 1956/1957. Sugerimos que procedessem da maneira mais simples de obter a duplicação.
3.Agradeci ao sr. Vítor Badalinho o espetacular trabalho que teve em divulgar a notícia da entrega das bolas na página da AFL.
4.Enviei SMS aos Núcleos a dar conta para verem na página da AFL aquela reportagem.
5.Continuou-se a tratar da identificação das taças e troféus do Museu.
6.Procedi à encomenda da placa para a sala Joaquim Fernandes de Campos, à firma Gravotaça, pelo valor de € 38,00 mais IVA (23%).
7.Recebi resposta do Prof. Jorge Carvalho, do IPDJ, sobre a identificação de uma condecoração à AFL.
8.Pedi informação ao Prof. Jorge Carvalho sobre o que é necessário para se obter segunda via do Diploma referente à Medalha de Mérito Desportivo entregue em 1960 à AFL.
9.A Drª Anne Stroobant, do Museu do Desporto, respondeu à questão de se saber qual a cor da fita para a medalha de Mérito Desportivo que foi atribuída em tempos à AFL e que carece desse adorno.
10.Recebi da Associação de Futebol do Algarve o pedido de endereço postal para nos enviar os Relatórios e Contas por nós solicitados. Agradecemos em conformidade.
11.Saí às 17H00.

09.10.2014-Quinta
1.Entrei às 08H35.
2.O árbitro jubilado José Pires Alves enviou dados para identificar fotos onde se encontra como elemento da equipa de arbitragem.
3.Enviei foto a Hugo Leal, capitão da equipa de Portugal que participou no jogo Portugal-Espanha, do II Torneio Internacional “Cidade de Lisboa” (Sub 15), realizado em 13 de junho de 1995, no Estádio Francisco Lázaro.
4.Contactei a Secretaria-geral da Presidência da República (Drª Patrícia Diniz), sobre as condecorações atribuídas à AFL, quanto a cores das fitas.
5.Tomámos conhecimento junto da Departamento de Organizações da AFL que terminaram os sorteios das competições para a presente época.
6.Desloquei-me à firma Cromogravura (Praça do Chile) onde adquiri as fitas para todas as condecorações da AFL, no valor de € 7,38.
7.Falei pessoalmente com o sr. Max, Foto Fixarte o qual apresentou o seguinte orçamento: Fotografias para a galeria, novas, retocadas ou recuperadas, com as medidas de 24x30, cada a € 5,00 (cinco euros). 90 Molduras 21x27, pelo preço total de € 540,00 (quinhentos e quarenta euros, já com IVA). A “Loja Augusto” apresentou o orçamento para as molduras de € 675,00.
8.Saí às 16H55.

10.10.2014-Sexta
1.Entrei às 08H20.
2.Recebi informação da Drª Patrícia Diniz, dizendo quais as condecorações recebidas pelo General Raul Martinho (presidente da AFL, no período de 30.11.1931 a 28.10.1933).
3.Concluído o trabalho de identificação das 4 condecorações recebidas pela AFL, ficando a vitrina com nova disposição. As comendas são:
3.1-Ordem Militar de Cristo, grau Comendador, constituída por 2 peças (fita e placa), atribuída em 5 de outubro de 1932, pelo Grão-Mestre das Ordens Portuguesas.
3.2-Ordem de Benemerência, grau Comendador, constituída por 3 peças (fita, anverso e reverso, e placa), atribuída em 17 de maio de 1933, pelo Grão-Mestre das Ordens Portuguesas.
3.3-Medalha de Mérito Desportivo, constituída por 2 peças (anverso e reverso), atribuída em 3 de novembro de 1960, pela Presidência da República. Recebida aquando do 50º aniversário.
3.4-Medalha de Honra ao Mérito, constituída por uma peça, atribuída em 10 de janeiro de 1986 pelo Ministro da Educação Nacional. Recebida na comemoração dos 75 anos.
4.O Dr. Nuno Lobo viu e gostou do trabalho sobre as condecorações.
5.O Dr. Nuno Lobo aprovou os novos preços das fotografias e das molduras. Vai-se proceder à sua encomenda à Foto Fixarte.
6.Continuou-se a identificar taças e troféus patentes no Museu.
7.Saí às 17H00, para tratar a questão das galerias fotográficas na Foto Fixarte.

11.10.2014-Sábado
1.Das 15H30 às 17H15 estive no Museu do Casa Pia Atlético Clube (Estádio Pina Manique) onde fui recebido pelo seu responsável, sr. Helder Tavares. Consultei diversa documentação de interesse para o Museu da AFL. Fez o favor de oferecer o “Livro de Regras do Jogo de Futebol de Cinco, editado pela Associação de Futebol de Lisboa em 9 de maio de 1958, assim como entregou, a título de empréstimo, o primeiro Relatório e Contas emitido pela União Portuguesa de Football referente ao ano de 1925 para ser digitalizado e fotocopiado. Nestas duas cedências deverá constar a seguinte origem “Documento cedido a título gracioso pelo Casa Pia Atlético Clube, Museu Luz Soriano, em 11 de outubro de 2014”. Não contraí qualquer despesa para a AFL.

13.10.2014-Segunda
1.Entrei às 08H35.
2.Registe-se a entrada no Museu da cópia dos Estatutos da União Portuguesa de Football, datado de 1925, assim como as Leis do Jogo de 1906/1907.
3.Coloquei o livro de regras oferecido pelo Casa Pia em exposição no Museu.
4.Enviei nota de encomenda à firma Foto Fixarte, ao cuidado do sr. Maximiliano Nunes a solicitar as molduras e fotos.
5.Continuou-se a identificar os troféus do salão principal do Museu.
6.Fez-se a avaliação do arquivo das fichas dos clubes que não estão corretamente classificadas.
7.Saí às 17H15 para a Foto Fixarte para entregar 3 fotografias dos presidentes que estão deterioradas e necessitam de restauro. Retirei-me às 17H45. Não contraí qualquer despesa para a AFL.

14.10.2014-Terça
1.Entrei às 08H30.
2.Tratei da bandeira portuguesa que está hasteada no exterior da sede da AFL, por se encontrar deteriorada (pontas esfarrapadas).
3.Respondi ao correio eletrónico recebido.
4.Desloquei-me à Presidência da República, à Chancelaria das Ordens Honorificas para recolher dados correspondentes às comendas da Ordem Militar de Cristo e da Ordem de Benemerência. O custo das fotocópias cifrou-se em € 6,00 (seis euros). Ofereci o livro “100 anos de futebol”, destinado à biblioteca da Presidência da República.
5.Fomos ao Museu da Sede da Liga dos Combatentes na expectativa de podermos identificar troféus relacionados com os jogos de futebol promovidos pela AFL, após a primeira Guerra Mundial, com a finalidade de angariar fundos para os estropiados, órfãos, viúvas e demais.
6.Recebi os valores das fitas e fotocópias.
7.Saí às 16H50.

15.10.2014-Quarta
1.Entrei às 08H30.
2.Recebida comunicação da firma Illumini, de Coimbra, a quem respondi acordar com a data marcada para fazerem o levantamento do espólio do Museu (segunda-feira, dia 20 das 09H00 às 12H00), no sentido de apresentarem proposta da necessária inventariação dos objetos.
3.Contactou-se a firma ScanSystem, para acertar o dia e hora para se recolher a amostra do trabalho a desenvolver na conversão das bobinas de microfilme para CD. Fica para amanhã, quinta-feira, às 14H30 e o sr. Guilherme Henriques tem o processo em mãos para tratar.
4.Da Associação de Futebol do Algarve foram recebidas cópias dos 2 Relatórios e Contas da AFL dos mandatos 1953/54 e 1956/57, a quem agradecemos.
5.Combinou-se com o sr. João Sargento a colocação da placa da sala Joaquim Campos: amanhã, de manhã.
6.Saí às 17H00.

16.10.2014-Quinta
1.Entrei às 08H35.
2.Ontem, pelas 19H20, quando já estava em casa, recebi telefonema do sr. João Sargento a dar conta que o presidente do Conselho de Arbitragem, Helder Campos, como não tinha recebido ordens da direção da AFL, suspendeu a tarefa que estava programada para hoje. Contactei o Dr. Nuno Lobo que, em boa hora, resolveu enviar-lhe mensagem nesse sentido. Aguarda-se indicações para avançar com a tarefa.
3.Recebi a placa da firma “Gravotaça” e pronto para proceder à sua afixação na rua dos Fanqueiros.
4.Fomos ao Museu Nacional do Desporto a quem apresentei o sr. Guilherme Henriques. Recolhemos informações importantes para a AFL.
5.O sr. Guilherme Henriques deslocou-se à firma “ScanSystem” a solicitar amostra do trabalho obtido através das bobinas de microfilme.
6.Perguntou-se à Secretaria-geral da Presidência do Conselho de Ministros se existe símbolo que represente os titulares distinguidos com a Utilidade Pública. Face à resposta recebida, segundo Decreto-Lei 460/77, de 7 de novembro, alterado pelo Decreto-Lei 391/2007, de 13 de dezembro, fica-se a saber que tal identificação não foi contemplada.  
7.O Dr. Nuno Lobo assinou a documentação das despesas feitas na “Gravotaça” (placa “Joaquim Campos”), no total de € 46,74, valor que me foi restituído.
8.Saí às 17H00.

17.10.2014-Sexta
1.Entrei às 08H30.
2.Em cima da minha secretária foi depositada moldura com diploma de agradecimento do CA da FPF pela cooperação da AFL no 7º Fórum da Arbitragem, realizado em 11 de outubro de 2014, na Ericeira.
3.Recebi informação pormenorizada do sr. Guilherme Henriques quanto à diligência que fez na Scan System, no Restelo.
4.Colocada a placa “Sala Joaquim Fernandes de Campos” no Conselho de Arbitragem.
5.Solicitei informação ao sr. José Reizinho, da Refer sobre o Grupo Desportivo da CP.
6.Continuou-se a identificar taças e troféus do Museu.
7.O sr. Max Nunes, da Foto Fixarte solicitou a minha presença no seu estúdio para ver o ponto de situação do trabalho das fotografias da galeria dos presidentes.
8.Saí às 16H55.

18.10.2014-Sábado
1.Ontem desloquei-me à Foto Fixarte onde apreciei o trabalho já desenvolvido, o qual merece nota bastante elevada face ao excelente resultado, principalmente nas fotos restauradas. Foram-me devolvidas 3 fotos que foram para recuperar, assim como duas fotografias cedidas a título de empréstimo pela responsável do Museu do Clube de Futebol Os Belenenses, Dª Argentina Fonseca. Entreguei algumas imagens dos árbitros FIFA.
2.Ainda ontem, na véspera da Assembleia-geral federativa, e na sequência do convite que tive para reunir com o Dr. Elísio Carneiro (vice-presidente da FPF) e Joaquim Jesus (Delegado à AG da FPF), convidei-os a visitarem o Museu da AFL. Na Assembleia-geral falei com o Dr. Nuno Lobo que me disse estar na segunda-feira na AFL para tratarmos assuntos urgentes (Sala Joaquim Campos e a mensagem que enviei ao presidente da CML quanto ao facto da AFL nunca ter sido distinguida pelo município). Não contraí qualquer despesa para a AFL.

20.10.2014-Segunda
1.Entrei às 08H30.
2.Ontem, no campo José Ramos (Palmense) convidei o Prof. Nuno Cristóvão, ex-selecionador nacional e distrital a visitar o Museu da AFL. Não contraí qualquer despesa para a AFL.
3.Compareceu na AFL o sr. Ricardo, da Illumini (Coimbra), onde fez o levantamento necessário à apresentação de orçamento para a inventariação dos objetos expostos no Museu.
4.Na galeria fotográfica dos presidentes recoloquei as fotos que estiveram na Foto Fixarte para análise.
5.Pedi ao diretor-executivo 50 cartões de visita.
6.Sobre a necessidade da foto do árbitro jubilado internacional Borques Leal, falei com o Mestre Joaquim Campos. Vou hoje a sua casa tratar do assunto.
7.Encontrei em cima da secretária um objeto referente ao VII Fórum da Arbitragem realizado em 11 de outubro de 2014.
8.No relatório e Contas da AFL referente ao exercício de 1992/1993 existe referência à evolução do Futebol de Cinco, somente desde 1982/1983, quando na realidade tal variante teve o seu início em 1957/1958!
9.Sobre os nove Relatórios e Contas (Anuários) em falta no Museu da AFL, referentes às épocas 1921/22, 1922/23, 1923/24, 1924/25, 1925/26, 1930/31, 1931/32, 1953/54 e 1955/56, solicitou-se informação aos Diretores responsáveis pelos arquivos históricos das 20 seguintes Associações de Futebol: Angra do Heroísmo, Aveiro, Beja, Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Guarda, Horta, Leiria, Madeira, Ponta Delgada, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.  
10.Saí às 17H00.

21.10.2014-Terça
1.Entrei às 09H00 em dia de greve no metropolitano, transporte que utilizo diariamente.
2.Ontem, logo após ter saído, estive na Foto Fixarte e em casa do Mestre Joaquim Campos a tratar assuntos relacionados com as galerias fotográficas. Não contraí qualquer despesa para a AFL.
4. Iniciado o levantamento dos clubes que participam na época 2014/2015 e os que se inscreveram na temporada anterior.
3.Respondi ao jornalista sr. João Pedro Campos, do Jornal de Notícias, sobre os mandatos que o Dr. Luís Duque cumpriu como presidente da direção da AFL.
4.Desloquei-me à Biblioteca do Museu Nacional do Desporto onde encontrei as fotos de dois árbitros que fazem parte da galeria dos internacionais lisboetas (Manuel Marques e José Travassos).

22.10.2014-Quarta
1.Entrei às 08H25
2.Reenviei ao Dr. Nuno Lobo a informação sobre a sala Joaquim Campos, que aguarda a marcação do dia e hora para o descerramento da placa.
3.Continuámos a tratar da atualização da página da AFL na net quanto aos clubes inscritos na presente época e anular os que não participam.
4.O sr. João Coelho, da Janitas-Associação de Formação Pedagógica e Desportiva e Cultural de Torres Vedras, solicita informação quanto ao Campeonato Distrital de Escolas, época 1989/1990. Respondeu-se em conformidade.
5.Acompanhei o sr. Maximiliano Nunes, da Foto Fixarte, ao Conselho de Arbitragem (rua dos Fanqueiros) para analisar a galeria dos árbitros internacionais.
6.Continuou-se a trabalhar na atualização da rubrica “Os Clubes da AFL” na página oficial.
7.Saí às 17H00.

23.10.2014-Quinta
1.Entrei às 08H15.
2.Ontem desloquei-me à Foto Fixarte e a casa do mestre Joaquim Campos para tratar assuntos relacionados com a galeria dos árbitros internacionais lisboetas.
3.Voltou o sr. João Coelho a solicitar novas informações. Respondeu-se no mesmo dia.
4.Reuni com o Dr. Nuno Lobo a quem dei conta da carta que escrevi para o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Dr. António Costa, desejando que, no seu mandato, a AFL fosse merecedora de uma distinção, acontecimento que, desde 1910, nunca se verificou.
5.O Dr. Nuno Lobo marcou o descerramento da placa “Sala Joaquim Campos”, no Conselho de Arbitragem para o dia 30 de Outubro de 2014, 5ª feira, às 18H30. Na próxima segunda-feira, dia 27, há que enviar os convites para: todos os Órgãos Sociais da AFL, todos os funcionários da AFL, todos os clubes, todos os árbitros (ativos ou jubilados), presidente da Mesa da Assembleia-geral, Engº Carlos Teixeira, Provedor dos Clubes da AFL, presidente do Conselho de presidentes da AFL, diretor-executivo da AFL, presidente do Conselho de Arbitragem federativo, presidente da APAF, os 5 Núcleos de Árbitros de Futebol do Distrito de Lisboa. Joaquim Campos avisará os seus próprios convidados. Também a Imprensa irá ser avisada deste acontecimento. Será servido um pequeno catering.    
6.Falei com a Dª Argentina Fonseca, do Museu do Clube de Futebol “Os Belenenses” a combinar a nossa ida amanhã, sexta-feira, à tarde, para devolver as duas fotografias que nos facultou por necessárias à galeria dos presidentes (Dr. Matos Correia e Justino Pinheiro Machado).
7.Recebido do diretor José Rodrigues um painel de azulejo referente ao Torneio Interassociações de Futebol Sub-20, feminino, Futsal, realizado em Évora nos dias 17 a 19 de outubro de 2014.
8.Recebido telefonema da Liga dos Combatentes a proporcionar reunião logo que possível.
9.Saí às 16H55.

24.10.2014-Sexta
1.Entrei às 08H45.
2.Remeti para Rui Melo informação quanto aos convites a enviar na próxima segunda-feira sobre a cerimónia do descerramento da placa da “Sala Joaquim Campos” marcada para o dia 30, quinta-feira, às 18H30, no Conselho de Arbitragem.
3.Recebi o valor (€ 26,75) do passe social, hoje renovado.
4.O sr. João Coelho volta a fazer novo pedido de informação.
5.Enviado ao Jorge Pereira, responsável pelo Departamento de Informático, todo o processo de atualização da página da AFL quanto aos clubes que se inscreveram esta época pela primeira vez (com dados e emblemas) e aqueles que irão sair por não participarem em provas.
6.Às 15H00 saímos para o Museu do Clube de Futebol “Os Belenenses” onde fomos recebidos pela Dª Argentina Fonseca. Obtivemos imagens das 6 taças de Honra conquistadas pelo Clube.

27.10.2014-Segunda
1.Entrei às 08H40.
2.Ontem, em Algés, encontrei o sr. António Luís Dominguez, que treinou as seleções jovens da AFL e convidei-o para visitar o Museu da AFL.
3.Recebemos a Drª Elsa Pinto, do Gabinete de Dinamização Associativa do Montepio Geral, a qual, na expectativa de vir a divulgar o Museu da AFL, perante aos associados do Montepio, visitou demoradamente o Museu. Deixou mensagem no Livro de Honra e foram-lhe oferecidos o livro dos 100 anos, um CD, um emblema e uma esferográfica.
4.Procurou-se nova informação para o sr. João Filipe Coelho que lhe foi remetida.
5.A Associação de Futebol de Aveiro respondeu a dar conta que disponibilizava dois dos Relatórios e Contas em falta na AFL, mas, afinal, são da própria AFA que não interessam ao nosso caso. Escreveu-se nesse sentido.
6.Saí às 17H00.

28.10.2014-Terça
1.Entrei às 08H35.
2.Iniciámos o levantamento e registo das seleções da AFL, desde 1910.
3.Respondi ao sr. João Filipe Coelho sobre o porquê não ter sido realizada a final do campeonato das Escolas na época 1999/2000.
4.Falei com Engª Lúcia Henriques dos Santos, do Museu Sporting Clube de Portugal que marcou a reunião para sexta-feira, dia 31, a partir das 15H00.
5.Saí às 17H00.

29.10.2014-Quarta
1.Entrei às 08H35.
2.Recebemos comunicação da Drª Elsa Pinto do Montepio que, relacionado com a visita dos seus associados ao Museu, coloca algumas questões as quais respondemos em conformidade.
3.Continuámos com o registo das seleções da AFL.
4.Recebi indicação da Drª Elsa Pinto acerca da marcação do dia da visita dos associados do Montepio, no primeiro trimestre de 2015.
5.O Mestre Joaquim Campos indica que são 9 os seus convidados para a cerimónia de amanhã. Esta informação foi transmitida ao secretário da direção, sr. Rui Melo.
6.O presidente do Bairro São João Atlético Clube, José Augusto Martinho, visitou o Museu da AFL e obteve informações relativas a dados relacionados com a FNAT e os campeonatos da AFL.
7.Saí às 16H50.

30.10.2014-Quinta
1.Entrei às 09H15.
2.Jorge Pereira, responsável pela Informática da AFL, acusa a receção do trabalho para atualizar a página dos clubes da AFL, procedendo em conformidade logo que possível.
3.O sr. João Filipe Coelho volta a solicitar, por duas vezes, informações sobre provas organizadas pela AFL. Demos a correspondente resposta, dizendo-lhe que se tornar o seu trabalho publico o nome da AFL deve constar no documento como parceira na cedência de informação gratuita, rigorosa, completa e sempre em tempo útil (rapidez).
4.Informei o Dr. Nuno Lobo da minha deslocação ao Brasil (Salvador), para participar no XXXVI Congresso da Arbitragem Brasileira, de 26 de novembro a 2 dezembro de 2014.
5.Saímos às 17H00 para o Conselho de Arbitragem para participarmos na cerimónia protocolar do descerramento da placa dedicada ao Mestre Joaquim Campos, na sala de reuniões do Conselho de Arbitragem, que terminou às 19H45, sem qualquer dispêndio para a AFL

31.10.2014-Sexta
1.Entrei às 10H00 vindo do CA da AFL, onde ultimei o trabalho começado ontem.
2.José Ribeiro, diretor-executivo, levou, a título de empréstimo, duas taças do museu.
3.Enviei texto e fotos da homenagem de ontem para o sr. Vítor Badalinho e Engº José Loureiro.
4.Recebemos novo pedido do sr. João Filipe Coelho, ao qual respondemos.
5.O sr. Paulo Teixeira, árbitro lisboeta de Futsal, coloca a questão de que gostaria de ver na galeria fotográfica dos árbitros as imagens de Aníbal Moutoso e Francisco Parrinha, árbitros FIFA, jubilados, daquela variante. Foi-lhe respondido que o assunto está em considerado na atualização que se pretende fazer, quer nos presidentes da direção quer nos agentes da arbitragem.
6.Contactou-se o Prof. Vítor Pinto, da Associação de Futebol de Viseu, na expectativa de nos informar pormenores do Torneio de Santa Comba Dão, prova realizada entre 1995/1996 e 2003/2004. A AFL ganhou em 1998/1999, 2000/2001 e 2002/2003.
7.Saímos às 15H00 para o Museu do Sporting Clube de Portugal, onde fomos muito bem-recebidos pela sua responsável (Engª Lúcia Paul Henriques dos Santos) e saímos às 18H00 com a missão cumprida (obtivemos imagens de 23 taças de honra) e recolhemos outras preciosas informações. Não foram contraídas despesas para a AFL.

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

FUI VOLUNTÁRIO DURANTE 867 DIAS! - 9º DE 29 EPISÓDIOS – SETEMBRO 2014

-Sede do então Real Ginásio Clube Português, na rua Serpa Pinto, onde se procedeu à tomada de posse dos primeiros dirigentes da AFL, cerimónia que ocorreu em 18 de outubro de 1910-
 
A seguir é relatado, passo a passo, o movimento diário da agradável e gratificante atividade desempenhada no Museu da Associação de Futebol de Lisboa, localizado no Chiado, como seu responsável, entre janeiro de 2014 e maio de 2016.

Nota: este registo, com imagens, nada mais é do que uma forma de preservar a memória do que de bom se passou naquele período, simplesmente…

01.09.2014-Segunda
1.Entrei às 08H55.
2.Completei o relatório do mês de agosto de 2014 e enviei-o para os Drs. Nuno Lobo e Vítor Filipe.
3.A Biblioteca Central de Coimbra enviou, conforme solicitação, o Relatório e Contas de 1960/1961, através de correio eletrónico.
4.Elaborei documento com as despesas que efetuei para desempenhar as funções de delegado no jogo das meias-finais da Taça de Honra, Futsal, masculinos, Benfica-Belenenses, realizado no sábado em Odivelas e fui ressarcido do respetivo valor.
5.Recolhi elementos necessários para a receção dos Formandos do Curso de Treinadores de Futsal, quando visitarem o Museu.
6.Falei com o sr. Fernando Correia Marques de Matos, que está na disposição de ofertar livros e outra documentação do seu pai, António da Silva Marques de Matos, o mais ilustre técnico de leis que existiu em Portugal, que valorizará certamente o espólio do Museu da AFL.
7.Contactei o sr. António Simões, célebre jogador internacional lisboeta, um dos protagonistas da epopeia no mundial de 1966-Inglaterra, que aceitou o convite para visitar o Museu. Se tiver algo relacionado com a AFL fará a sua oferta com muito gosto.
8.Faleceu o Dr. Joaquim Pedro Frade Almeida Martins Grilo, antigo vice-presidente da direção. Em sua memória a bandeira da Associação de Futebol de Lisboa vai ficar a meia haste durante três dias.
9.Saí às 17H00

02.09.2014-Terça
1.Entrei às 08H45
2.Terminei a tarefa de fotocopiar o trabalho que veio de Coimbra, o Relatório e Contas de 1960/1961, com 150 páginas.
3.Recebi indicação da Academia Militar que a sua Biblioteca está disponível para a AFL.
4.Falei com o Prof. Arnaldo Teixeira dando-lhe conta de que o sr. António Simões (jogador internacional jubilado) terá imenso gosto que esteja presente quando visitar o Museu.
5.Falei para a Biblioteca da Academia Militar, mas não foi possível contactar a responsável, Drª Patrícia Ferreira.
6.Saí às 17H00.

03.09.2014-Quarta
1.Entrei às 14H15.
2.De manhã estive nos Pupilos do Exército e reuni com o Cap. Jorge Soares, a quem solicitei documentação para o Museu da AFL, dado que este estabelecimento militar ganhou uma das competições em 1923/1924. Fez o favor de me convidar para almoçar o que aceitei e agradeci. Ofereceram o livro “Instituto dos Pupilos do Exército 1911-2011, de David Pascoal Rosado”.
3.Contactei com o sr. Fernando Pires, da Associação Pupilos Exército
4.Saí às 17H00

04.09.2014-Quinta
1.Entrei às 08H45.
2.Elaborei cartas de agradecimento a quem ofertou livros para a Biblioteca da AFL. Aguardam assinatura do Dr. Nuno Lobo.
3.Do vice-presidente Engº José Loureiro recebi, com destino ao Museu da AFL, 24 medalhas que seriam entregues ao clube que fosse derrotado na final da Taça de Honra de Futsal, masculino, 2014/2015. Estas medalhas foram devolvidas à AFL pelo Sporting Clube de Portugal. 
4.Procedi ao hasteamento total da bandeira da AFL, uma vez cumpridos os três dias de luto pelo falecimento do sr. Dr. Joaquim Pedro Frade Almeida Martins Grilo, antigo dirigente da AFL.
5.Estive no sorteio das competições AFL e foi-me concedido tempo de “antena” para falar do Museu. Não contraí qualquer despesa para a AFL.
6.Saí às 19H45.

05.09.2014-Sexta
Não compareci no Museu.

08.09.2014-Segunda
1.Entrei às 09H00.
2.Respondi a várias mensagens recebidas através de correio eletrónico.
3.Convidei o Coronel Fernando Lopes, o primeiro selecionador de Futsal da AFL, a visitar o Museu. Dirá quando tiver disponibilidade.
3.Contactei António Silva sobre a primeira seleção de Portugal no Futsal (1987) e também o convidei a visitar o Museu.
4.Continuei a elaborar a lista dos elementos que fizeram parte da primeira seleção de Portugal de Futsal, toda ela constituída de jogadores da Associação de Futebol de Lisboa.
5.Recebi convocação para colaborar na Taça de Honra da AFL, em Futsal feminino, sendo-me destinado o segundo jogo das meias-finais a disputar no dia 13.09.2014 (sábado), no Pavilhão Multidesportivo de Odivelas, pelas 21H00.

09.09.2014-Terça
1.Entrei às 09H15.
2.Continuei a elaborar a lista com os componentes da primeira seleção de Futsal.
3.Falou o Coronel Fernando Lopes (Futsal) a dar conta que visitará o Museu na quinta-feira, às 14H00. Falei com António Silva.

10.09.2014-Quarta
1.Entrei às 14H25, vindo do Hospital de Santa Maria (Consulta Oftalmologia Drª Eliana Neto, às 09H00) e Centro Médico de Benfica (Consulta Médica de Família, Drª Elvira Manarte, às 11H10).
2.Respondi a questões colocadas através de correio eletrónico.
3.Completei (parte) do trabalho sobre a primeira seleção de Portugal (Futsal).
4.Saí às 17H20.

11.09.2014-Quinta
1.Entrei às 08H45.
2.Reuni com o Dr. Nuno Lobo que confirmou a aceitação das condições de colaboração graciosa que o sr. Guilherme Henriques vai dar ao Museu da AFL, assim como assinou as quatro cartas de agradecimento às personalidades que ofereceram livros para a Biblioteca da AFL. Também visou o documento de despesa com as fotocópias obtidas dos Relatórios e Contas na Biblioteca Nacional de Lisboa. A reunião prevista em setembro só será efetuada com a presença do Dr. Vítor Filipe.  
3.Recebi comunicação da Illumini (Coimbra) sobre oferta de serviços na área de museologia. Reunião marcada para amanhã, às 09H00.
3.Falei com o sr. Guilherme Henriques que diz começar a prestar a sua colaboração a partir da próxima segunda-feira, dia 15 de setembro.
4.O Coronel Fernando Lopes, seus filhos Filipe e Rui e a sua neta Matilde, e António Silva visitam o Museu da AFL.
5.Enviei texto e fotos desta visita para o sr. Vítor Badalinho e para o Engº José Loureiro, para procederem em conformidade.
6.Estive presente no sorteio de competições da AFL donde saí às 19H30. Não contraí qualquer despesa para a AFL.

12.09.2014-Sexta
1.Entrei ás 08H20.
2.Estiveram presentes os srs. João Antunes e Ricardo Martins, da Illumini-Consultoria na Área da Investigação, na expectativa de apresentarem uma proposta de serviços, face à necessária organização que o Museu da AFL merece.
3.Escrevi ao Capitão e árbitro de Futsal lisboeta Jorge Leonardo Borges Gonçalves Soares (Pupilos do Exército) a agradecer a receção que fez o favor de me dispensar, assim como enviei documentos sobre os primórdios do Futsal.
4.Respondi ao INATEL considerando a semana de 10/16 de novembro de 2014, de segunda a sexta-feira e às 15H00, para os seus associados visitarem o Museu.
5.De harmonia com o meu pedido feito diretamente ao Dr. Nuno Lobo, presidente da direção, escrevi ao vice-presidente da direção, Engº José Loureiro para promover a oferta aos 5 Núcleos do Distrito de Lisboa, de 3 bolas de futebol 11 e 2 de futsal a cada qual.
6.O sr. Paulo Pereira, de Palmela, visitou o Museu.
7.O sr. António Eustáquio, funcionário da AFL, pelas 11H30, entregou em casa do sr. Gabriel Neves, o livro “100 anos de futebol, da AFL”. 
8.Aproveitando a minha presença na comemoração dos 49 anos de existência do Núcleo de Confraternização dos Árbitros de Futebol do Barreiro, desloquei-me à Biblioteca Municipal do Barreiro (16H00, Dª Alice), ao Futebol Clube Barreirense (16H45), onde me informaram que o Chefe da Secretaria, sr. Luís Pinto, está de férias e regressa na segunda-feira, dia 22. A fundação do clube remonta a 11.04.1911. Ofereceram para a Biblioteca do Museu o livro “70 anos de vida do Futebol Clube Barreirense). No Luso Futebol Clube, fundado em 11.04.1920), entre as 17H15 e as 18H15, falei com o sr. Tiago Santana. Estes contactos foram encetados na expectativa de se saber mais dos clubes do Barreiro nos primeiros campeonatos promovidos pela AFL, dado que o Distrito e a Associação de Futebol de Setúbal foram criados, respetivamente em 22.12.1926 e 05.05.1927. Não contraí qualquer despesa para a AFL.

13.09.2014-Sábado
1.Estive no Pavilhão Multiusos de Odivelas, como Delegado da AFL ao segundo jogo das meias-finais da Taça de Honra de Futsal seniores femininos (Técnico-Quinta dos Lombos). Cheguei às 13H45 e saí às 23H00. Despesas: Transporte (táxi): 9 euros. Pequena refeição: 6,15. Total: 15,15 euros.

15.09.2014-Segunda
1.Entrei às 08H45
2.Devolvi a Rui Melo, funcionário da AFL, a restante documentação relacionada com a minha participação na Taça de Honra de Futsal.
3.Conforme o combinado com o Dr. Nuno Lobo, o sr. Guilherme Bandeira Henriques, compareceu na AFL para dar colaboração ao Museu. A sua disponibilidade será diária, nos dias úteis, das 10/10H30 às 12H00 e das 14H00 às 17H00. Acompanhei-o nas apresentações aos funcionários da AFL.
4.Respondi ao sr. Paulo Pereira (Palmela) que teceu agradáveis considerações à sua visita ao Museu na passada sexta-feira.
5.Escrevi à Biblioteca Municipal de Alenquer na expectativa de obter documentação relacionada com a AFL.
6.Reuni com o sr. Guilherme Henriques que sugere os seguintes pontos:
6.1-Elaboração de lista com os clubes filiados desde a fundação da AFL.
6.2-A divulgação do número de jogadores inscritos nas últimas épocas.
6.3-Galeria fotográfica de todos os campos de futebol do Distrito de Lisboa desde os primórdios.
6.4-Programação de visita ao Museu dos presidentes dos clubes filiados na AFL, assim como grupos de jovens que frequentem estabelecimentos de ensino.
6.5-A necessidade do inventário do património do Museu.
6.6-Pretende saber se o património está coberto pelo seguro.
6.7-Galeria fotográfica de antigos jogadores e árbitros.
6.8-Exposição de material do jogo, como camisolas, bolas, calçado, etc.
6.9-Divulgar na revista da Câmara Municipal de Lisboa o Museu e o horário das visitas.
6.10-Organizar a biblioteca, procedendo à inventariação das obras literárias existentes.
7.Saí às 17H00.

16.09.2014-Terça
1.Entrei às 08H35
2.Respondi ao sr. João Rocha, do Grupo Desportivo Estoril Praia, que solicita informação genérica do seu clube no período de 1939/1943, que explique melhor o que pretende.
3.O sr. João Rocha esclareceu que gostaria de saber a data de filiação do Grupo Desportivo Estoril Praia, a participação do clube no campeonato distrital de 1940/41 e 1941/42, participação no nacional da 2ª divisão com ascensão à primeira divisão em 1944/45.
4.O presidente do Conselho de Arbitragem da Associação de Futebol de Lisboa, Helder Campos, orientou equipa de gravação de imagens perante o Dr. Nuno Lobo, que, em pleno Museu, falou do Fórum da Arbitragem, promovido por aquele Conselho e que ocorrerá em outubro na Ericeira.
5.Contactei os presidentes dos Núcleos de Árbitros de Futebol do Distrito de Lisboa sobre a entregas de bolas de futebol e de futsal. Estão disponíveis às 2ªs e 4ªs feiras, depois das 18H30 para virem até à sede da AFL e receberem a oferta das mãos do presidente Dr. Nuno Lobo. Brandoa/Amadora (Pedro Mota), Linha de Sintra (Miguel Castilho), Lisboa (José Luzia), Póvoa Santa Iria (André Dias) e Torres Vedras (Flávio Ramos). 
6.Escrevi ao presidente Dr. Nuno Lobo para marcar o dia e hora para proceder à entrega das referidas bolas.
7.Falou o vice-presidente da direção, Dr. Tiago Vaz a dar conta que os formandos do Curso de Treinadores de Futsal visitarão o Museu no próximo sábado, dia 20, pelas 09H00. Segue-se a informação inerente à modalidade, que será prestada no Auditório 2000.
8.Desloquei-me ao Conselho de Arbitragem da AFL, assim como sr. Guilherme Henriques, para fazer a sua apresentação e ficar a conhecer o local da galeria fotográfica dos árbitros internacionais lisboetas, que será atualizada brevemente.
9.Saí às 17H00.

17.09.2014-Quarta
1.Entrei às 08H35.
2.Contactei o Instituto Português do Desporto e Juventude, Prof. José Carvalho, e, para além de o convidar a visitar o Museu, solicitei elementos sobre o título de Mérito Desportivo atribuído à AFL.
3.Procedeu-se à pesquisa no livro do centenário se existe referência às comendas e títulos recebidos pela AFL desde a sua criação.
4.Escreveu-se ao Chanceler das Ordens Honoríficas Portuguesas a solicitar informação sobre as comendas recebidas nos anos de 1932 e 1933 (Ordem Militar de Cristo e Ordem de Benemerência).
5.No mesmo sentido ao Departamento de Desporto da Câmara Municipal de Lisboa (Drª Sónia Paixão).
6.Falei com a Dª Madalena Louro sobre as comendas recebidas pela AFL, na expectativa de identificar as distinções.
7.Saí às 17H00.

18.09.2014-Quinta
1.Entrei às 08H30.
2.Na minha secretária encontrei painel de azulejos do ADCEO a agradecer o apoio da AFL.
3.Escrevi ao diretor-executivo da AFL sobre a entrega das bolas a ofertar aos Núcleos lisboetas.
4.Perguntei à Biblioteca da Universidade de Coimbra pelo recibo da digitalização do Relatório e Contas de 1960/1961.
5.Respondi às questões colocadas pelo sr. João Rocha, sobre o Grupo Desportivo Estoril Praia.
6.Enviei fotos da visita do Coronel Fernando Lopes a seu filho Luís.
7.Recebi informação da Biblioteca Municipal do Barreiro (Drª Maria Alice Conceição) quanto às obras existentes no seu arquivo.
8.Recebi cópias dos Diários do Governo e da República onde consta a atribuição de distinções à AFL.
9.Estive, com o sr. Guilherme Henriques, no sorteio de várias competições da AFL.
10.Saí às 19H15. Não contraí qualquer despesa para a AFL.

19.09.2014-Sexta
1.Entrei às 08H35
2.O sr. Luís Lopes, filho do Coronel sr. Fernando Lopes, agradeceu as fotos e a receção prestada aquando da visita ao Museu.
3.Para seu conhecimento elucidei o sr. Guilherme Henriques sobre o valor histórico e patrimonial da sala da direção e do respetivo corredor.
4.Elaborei lista com os 33 antigos presidentes da Federação Portuguesa de Futebol na qual constam 8 ex-dirigentes da AFL: Dr. António Joaquim Sá Oliveira (1914/1922, o primeiro), Luís Plácido de Sousa (1929/1929), Prof. José da Cruz Filipe (1934/1942), Ângelo Ferrari (1954/1957), Francisco Madeira Mega (1960/1963), Justino Pinheiro Machado (1963/1967), Dr. José Matos Correia (1970/1971) e Dr. João Rodrigues Martins (1989/1992).
5.O sr. Guilherme Henriques procedeu à feitura do histórico da Taça “Prémio da Cidade – CML”, a qual, de 1911/1912 a 1924/1925, foi atribuída aos vencedores da competição das primeiras categorias (Honra).
6.Foi elaborado uma pequena memória com datas e momentos históricos do Futebol em Portugal. 
7.Saí às 16H40.

20.09.2014-Sábado
1.Entrei às 08H25
2.Os formandos do Curso de Treinadores de Futsal e o seu Formador Prof. Paulo Luís estavam no Museu à hora indicada (09H00), onde foi tirada a “foto de família”.
3.Passou-se para o auditório 2000 onde se falou da evolução da modalidade.
4.Enviei texto e imagem para o sr. Vítor Badalinho, responsável pela página na net da AFL
5.Saí às 10H45. Não contraí qualquer despesa para a AFL.

22.09.2014-Segunda
1.Entrei às 08H40
2.Agradeci ao sr. Vítor Badalinho o seu trabalho em publicar a notícia e fotos da visita dos formandos do Curso de Treinadores de Futsal, a decorrer na AFL.
3.Recebi felicitações do Dr. Tiago Vaz sobre o tema.
4.Enviei relatório da visita ao Dr. Tiago Vaz.
5.Solicitei ao Dr. Nuno Lobo a marcação do dia, hora e local para entregar as bolas aos Núcleos.
6.Começou a fazer-se a identificação pormenorizada dos troféus existentes no Museu da AFL.
7.Falei com o Luso Futebol Clube (sr. Tiago Santana) sobre documentação que poderá vir a interessar à AFL.
8.Sobre o mesmo tema, também falei com o chefe da secretaria do Futebol Clube Barreirense (sr. Luís Pinto), a quem vamos enviar carta de agradecimento pela oferta do livro “70 anos de vida do Futebol Clube Barreirense”.
9.Telefonei ao jornalista Pedro Catita, especialista de Futsal, a convidá-lo para visitar o Museu, se possível, acompanhado do sr. Pedro Martins, jornalista desportivo da RTP, já contactado para o efeito.
10.Estamos a recolher mais elementos para elaborar a identificação individualizada dos troféus existentes no Museu.
11.Voltei a enviar para o sr. Vítor Badalinho, texto e foto da visita dos formandos do Curso de Futebol (UEFA C), notícia que desapareceu da página da AFL. Foi publicada em 14 de junho de 2014.
12.Saí às 17H05.

23.09.2014-Terça
1.Entrei às 08H45.
2.Actualizei a lista de distinções a entregar a 4 árbitros e 1 clube.
3.Continua-se a procurar elementos para identificar os troféus.
4.Falei com o sr. Fernando Pires, vice-presidente da direção da Associação dos Pupilos do Exército, entidade que poderá ter documentação de interesse para a AFL. Vai contactar o Dr. David Sequerra para, em conjunto, programar a reunião.
5.Saí às 17H00.

24.09.2014-Quarta
1.Entrei às 08H45.
2.Ontem, quando me desloquei à Igreja de Benfica, onde expressei condolência à filha do senhor Fernando Cabrita, antigo Treinador falecido anteontem, falei com o senhor Artur Santos, jogador do Sport Lisboa e Benfica nos anos 50/60, convidei-o a visitar o Museu da AFL. Aceitou o repto, dizendo que vai “convocar” colegas desse tempo para voltarem a apreciar os troféus que lhes dizem muito…
3.Ainda ontem adquiri porta-fotografias para identificar os troféus existentes no Museu (€ 17,60).
4.Falou o sr. Jaime Pereira a dar conta que está a desenvolver o trabalho para encontrar documentos que serviam à Biblioteca da AFL.
5.Escrevi ao secretário-permanente da Associação de Futebol do Algarve, Dr. Helder Brito, para saber quais os jogos que se fizeram entre as seleções das duas Associações.
5.Saí às 17H00

25.09.2014-Quinta
1.Entrei às 08H15 (greve total do Metropolitano de Lisboa)
2.Continuou-se com a procura de informação pormenorizada para identificar os troféus existentes no Museu.
3.Reunimos (eu e o sr. Guilherme Henriques) com o Dr. Nuno Lobo, onde se focaram os seguintes assuntos:
3.1-Regulamento do Museu.
3.2-Secretária, computador e telemóvel para o sr. Guilherme Henriques.
3.3-Celebração do 105º aniversário da AFL, em 2015.
3.4-Entrega de bolas aos Núcleos, oferta da AFL.
4.Recebida carta do decano da arbitragem portuguesa, Joaquim Fernandes de Campos a agradecer as deferências que a AFL lhe prestou aquando da celebração do seu nonagésimo aniversário.
5.Recebi resposta do Chanceler das Ordens Honoríficas Portuguesas sobre as comendas recebidas em 1932 e 1933. Agradecer.
6.Agradeceu-se formalmente ao presidente do Futebol Clube Barreirense a oferta de livro.
7.Avisaram-se os presidentes dos Núcleos da Brandoa/Amadora (Pedro Mota), Lisboa (José Luzia), Póvoa de Santa Iria (André Dias) e Torres Vedras (Flávio Ramos) para comparecerem no dia 6 de outubro de 2014 (segunda-feira), pelas 18H00, na sede da Associação, para receberem diretamente do presidente da direção Dr. Nuno Lobo as bolas de futebol (3) e de Futsal (2), oferecidas pela AFL aos Núcleos.  
8.O senhor Gabriel Joaquim Costa das Neves voltou a distinguir a biblioteca da AFL, desta vez com a obra “História da Imprensa Desportiva em Portugal”, de Francisco Pinheiro. Agradecer.
9.O Museu da AFL teve tempo de intervenção nos sorteios das competições da AFL.
10.Saí às 20H15. Não contraí qualquer despesa para a AFL.

26.09.2014-Sexta
1.Entrei às 08H40
2.Agradeci ao sr. Gabriel Neves o livro de ofereceu à biblioteca da AFL.
3.Recebi comunicação do Engº José Loureiro (vice-presidente da AFL), para contactar o Núcleo da Brandoa/Amadora sobre o Torneio do Damaia Ginásio.
4.Falei com o presidente do Núcleo, Pedro Mota e dei-lhe o número do telemóvel do Engº José Loureiro para fazer o favor de o contactar.
5.Falou-se novamente com Carlos Domingos, Marco Pina e Nuno Barata, árbitros jubilados, para virem à AFL levantarem os prémios atribuídos em devido tempo pelo Conselho de Arbitragem.
6.Avisei o vice-presidente do Núcleo da Linha de Sintra Miguel Castilho, para comparecer também no dia 6 de outubro para receber as bolas oferecidas pela AFL ao Núcleo.
7.O sr. João Rocha, do Grupo Desportivo Estoril Praia, veio buscar o conjunto de fotocópias de Relatórios e Contas da AFL, com referências ao seu clube.
8.Saí às 17H00.

29.09.2014-Segunda
1.Entrei às 08H50.
2.Recebi mensagem do Engº José Loureiro a dar conta que ninguém apareceu do Núcleo da Brandoa/Amadora para participar no Torneio do Damaia Ginásio. Respondi em conformidade.
3.Sugeri ao Dr. Nuno Lobo texto da carta a entregar aos Núcleos de Lisboa juntamente com as bolas, oferta que se concretizará na próxima segunda-feira, dia 6, às 18, na sede da AFL.
4.Desloquei-me à “Loja do Augusto” (molduras), na rua do Terreirinho, a solicitar amostra das molduras cujo orçamento entregou em março último.
5.Procurou-se fotografias que estão em arquivo à procura de entrega de medalha de Honra ao Mérito à AFL aquando da celebração dos 75 anos de existência.
6.O árbitro sr. Carlos Ferreira Domingos veio levantar o seu troféu atribuído pelo Conselho de Arbitragem da AFL, na época 2011/2012, quando se classificou no primeiro lugar, do grupo C.
7.Saí às 17H00.

30.09.2014-Terça
1.Entrei às 08H50.
2.A reunião marcada para hoje com os Drs. Nuno Lobo e Vítor Filipe passa para quinta-feira, dia 2, às 14H30.
3.Recebemos o sr. Diogo Gomes, da Scansystem Portugal, empresa a quem se solicitou orçamento para tratamento das 41 bobinas de microfilme existentes no Museu da AFL com as fichas de jogadores e Relatórios e Contas (Anuários), desde 1910/1911. Este senhor visitou o Museu da AFL.
4.Falei com o sr. Nuno Garrafão, do Clube Cimpor, sobre a possibilidade de nos facultar elementos sobre a vitória do Clube Desportivo da Fábrica Cimento Tejo no campeonato corporativo (o primeiro e único) promovido pela AFL em na época 1939/1940.
5.Procedeu-se à identificação de fotos que se encontravam no gabinete do presidente, Dr. Nuno Lobo.
6.Saí às 17H00.