terça-feira, 23 de novembro de 2010

FREDERICO DA COSTA SANTOS VISITOU O MUSEU DA ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA

Como estava previsto foi no dia 13 de Outubro (quarta-feira) que marcámos presença naquele que é uma memorável referência nacional dentro do sector associativo e desportivo. Sempre são cem anos a coleccionar dados históricos e a registar tudo aquilo que diga respeito ao futebol lisboeta e não só, e a expor toda uma valiosa e enorme série de troféus, taças, salvas, peças de equipamento, galhardetes, fotos, estatuetas, peças de cerâmica e de vidro, documentos, enfim, um nunca mais acabar de recordações, sem esquecer o livro de honra onde gente famosa do futebol deixou a sua imagem de marca. Todas estas preciosidades marcam várias gerações de agentes desportivos, jogadores, árbitros, dirigentes, treinadores e demais que deram o seu nome e o seu suor, o seu esforço e dedicação ao desporto-rei honrando o tradicional lema português de que o passado e o presente têm sempre futuro, quando as pessoas de bem assim o querem.
E quem é que nos recebeu com a sua habitual cortesia? A Dª Madalena Louro, Secretária da Direcção da Associação de Futebol de Lisboa e a coordenadora daquele espaço que mantém como o sol, belo, radioso e sempre a brilhar, pois o seu requintado gosto é prova provada de que vale a pena a deslocação a tão importante e deslumbrante lugar e admirá-lo como o fizemos, pausada e objectivamente.
-Nota: O calçado exposto foi doado recentemente pelo Árbitro FIFA Abel da Costa, o nosso decano, que nasceu em 19.01.1913-
O meu bom amigo Frederico Santos ficou encantado com a exposição, mas já não tanto com a missão que se propunha realizar, pois pretendia identificar alguns emblemas que possui perante os arquivos da Associação de Futebol de Lisboa onde estão os equipamentos, coloridos, usados pelos jogadores das equipas dos clubes seus filiados, factos que remontam há muitos e muitos e muitos anos. Só conseguiu reconhecer um deles, relacionado com a figura de uma gaivota. Na despedida agradecemos a gentil maneira como fomos recebidos.

2 comentários:

higino da fonseca disse...

Gostaria de saber onde está sediado este museu.
Obrigado

ALBERTO HELDER disse...

Rua Nova da Trindade, 2-2º andar, bem junto ao Chiado, em Lisboa.