terça-feira, 16 de novembro de 2021

ESTADO DA ÍNDIA – I SÉRIE – HOSPITAL MILITAR DE GOA – 32º DE 36 EPISÓDIOS

ARMA:

Serviço de Saúde.

UNIDADE MOBILIZADORA:

Comando Territorial Independente do Estado da Índia.

 

DATA DA SUA CRIAÇÃO:

 

AQUARTELAMENTO:

Goa.


 ÁREA DE ATUAÇÃO EM 18.12.1961:

A pesar do Plano de Operações “Sentinela”, que visava a retirada faseada das forças portuguesas da fronteira até à costa, cuja entrada em vigor seria quando se iniciasse a invasão, o Hospital, em todos os momentos, esteve sempre ao serviço de quem dele necessitava.

-Fausto Augusto Remédios Diabinho (1961)-

DIRETOR:

-Jorge Costa Vaz (2017)-

CONTINGENTE:

Dados incompletos, por não terem sido encontradas as listas com os nomes dos militares naturais do Estado da Índia, que pertenciam a este estabelecimento militar.

OFICIAIS: 4

António Augusto Correia Lima, Tenente; António Celestino Carmo Cavaco, Alferes; Gonçalo Nunes Simões Carrelo, Alferes e Manuel Jacinto Ferreira, Tenente.

SARGENTOS: 16

António Rodrigues Ferreira, Furriel; Armando Silva, 2º Sargento; Augusto Pereira Macedo, 2º Sargento; Fausto Augusto Remédios Diabinho, 2º Sargento; Flaviano Fontes Lousão, Furriel; Francisco Alberto Guerreiro Santos Martins, Furriel; Francisco Palma Marques, Furriel; João Gil, 1º Sargento; Joaquim Mário Sousa Leal, Furriel; Jorge Oliveira Berneaud, 2º Sargento; José Carlos Costa, 2º Sargento; José Dias Brás, Furriel; José Pina Cabral, 2º Sargento; Luís Pedro Ramos, 1º Sargento; Manuel Gonçalves Lopes, 2º Sargento e Mário Guerreiro Martins Serpa, Furriel.

PRAÇAS: 75

Afonso Rodrigues Lopes, Soldado; Albertino Duarte Martins, 1º Cabo; Alberto Pereira Ferreira, 1º Cabo; Álvaro Batista Ferreira, 1º Cabo; Américo Dias Bárbara, 1º Cabo; António Augusto Trancoso, Soldado; António Conceição Seita, 1º Cabo; António Joaquim Peixe Santos, 1º Cabo; António José Ilhéu Henriques, Soldado; António Manuel Alves Pereira, Soldado; António Milheiro, 1º cabo; António Moreira Silva, 1º Cabo; António Tomás Pinto, Soldado; António Vieitas Gonçalves, 1º Cabo; Armando Morais Cardoso, Soldado; Augusto Alexandre, 1º Cabo; Augusto Luz Santos, Soldado; Augusto Santos Oliveira, Soldado; Benedito Santos Botelho, Soldado; Bernardino Fortunato Moura, 1º Cabo; Carlos Alberto Ferraz Massacote, Soldado; Carlos Eugénio Nunes Pires, 1º Cabo; Custódio M. Rodrigues, 1º Cabo; Diogo José Bicho Estevão, Soldado; Ezequiel Ferreira Henriques, 1º Cabo; Fausto Emílio Sá Chagas Rodrigues, 1º Cabo; Fernando Cândido Oliveira Santos, 1º Cabo; Fernando Maria Tojal, Soldado; Henrique Vítor Resende Franco, Soldado; Jaime Pereira Simões, Soldado; João Amaro Tomé, Soldado; João António Valente Teixeira, 1º Cabo; João Batista Soares, Soldado; João Pedro Dias Taveira, Soldado; Joaquim Alberto Gonçalves, 1º Cabo; Joaquim Assunção Carrapiço Nicau, 1º Cabo; Joaquim Cruz Marques, 1º Cabo; Jorge Costa Vaz, 1º Cabo; José António Correia Lourenço, 1º Cabo; José António Rodrigues Carvalho, Soldado; José Bernardino Coelho, 1º Cabo; José Campos Rosa, Soldado; José Carlos Rosa, 1º Cabo; José Carmo Gonçalves, 1º Cabo; José Couceiro Nogueira, 1º Cabo; ; osé Fernandes Carvalho Melo, Soldado; José Fernando Paixão, Soldado; José Fortunato, 1º Cabo; José Francisco Mendes, Soldado; José Francisco, 1º Cabo; José Joaquim Almeida Santos, Soldado; José Luís Rodrigues Cardoso, 1º Cabo; José Nogueira Domingos, 1º Cabo; José Rodrigues Lopes, 1º Cabo; José Santos Madeira, 1º Cabo; José Silva Nunes, 1º Cabo; Lino António Pereira, 1º Cabo; Lúcio José Veríssimo Correia, Soldado; Luís Ferrão Marques, 1º Cabo; Luís Filipe Maçarico, Soldado; Luís Joaquim Silva Sebo, Soldado; Manuel Braga Fortuna, Soldado; Manuel Lopes Quelha, 1º Cabo; Manuel Mogo Cabrita, 1º Cabo; Manuel Santana Moreira, Soldado; Manuel Santos Barreto, 1º Cabo; Mário Joaquim Videira, 1º Cabo; Martinho Pimenta Machado, Soldado; Miguel Coucho Lucas Galvão, Soldado; Orlando Guilherme Marques Rodrigues, 1º Cabo; Pedro Alberto Ferreira Gonçalves, 1º Cabo; Pedro Dores Trindade, Soldado; Pedro Leonardo Gonçalves Neves, Soldado; Raul Ferreirinha Cabaço, Soldado e Venâncio Inácio Panelas, 1º Cabo.

NOTA:

Perante a ineficácia da defesa, a impotência do próprio armamento e a enorme desproporção entre as forças em confronto, o Hospital Militar de Goa rendeu-se aquando da hierarquia militar, de quem dependia.

CAMPO DE PRISIONEIROS:

Alparqueiros (Vasco da Gama-Goa).

REGRESSO A CASA:

No navio “Vera Cruz” (Karachi, 09.05.1962/Lisboa, 22.05.1962, 13 dias), no navio Pátria” (Karachi, 12.05.1962/Lisboa, 26.05.1962=14 dias) e no navio “Moçambique” (Karachi, 15.05.1962/Lisboa, 30.05.1962=15 dias), viajaram, respetivamente, 4, 41 e 15 elementos, deste Hospital.

ÓBITOS:

DISTINÇÕES:

PUNIÇÕES:

Sem comentários: