quarta-feira, 8 de abril de 2009

ANAF – XXVIII CONGRESSO (III)

Sexta-feira, dia 27, foi um dia muito especial pela diversidade de actividades, assim como aquele que marca oficialmente o início dos trabalhos do maior acontecimento da arbitragem brasileira no presente ano. Durante a manhã foi proporcionado aos congressistas presentes um passeio turístico pelos pontos mais interessantes da cidade, dos quais se destacam a zona das olarias onde se parou para adquirir artesanato, o Parque Ambiental Encontro dos Rios (Parnaíba e Poti), local para se sentir o privilégio de saborear a tranquilidade dum magnífico espaço verdejante e, ao mesmo tempo, um delicioso refresco genuinamente piauiense, a cajuína, obtida do suco do caju.A nova e imponente ponte do Sesquicentenário, em construção, também foi objecto da admiração geral. Ainda contemplámos a azáfama em toda a cidade, com as pessoas a circularem num ritmo cosmopolita e determinado. O movimento de viaturas também é extraordinário, sobressaindo os fluentes transportes públicos. As mais de duas centenas de lavadores de viaturas que trabalham junto ao rio Parnaíba foram igualmente objecto da nossa curiosidade. Terminado o agradável passeio, cujo destaque vai para o guia turístico que nos acompanhou, brindando-nos com pormenores históricos do Piauí e de Teresina, passou-se à parte sempre apetitosa do momento: o almoço. A tarde foi para relaxar, dado que a parte final do dia seria bem mais activa e participativa. Na verdade aproveitei para dar uns mergulhos na piscina do Hotel, situada no último piso. E que bela vista panorâmica daí se alcança… Bem, chegou então o momento crucial do programa do dia, a cerimónia abertura do Congresso. Com a Mesa de Honra composta por individualidades ligadas ao Desporto e à Cidade, liderada pelo Prefeito Sílvio Mendes, e depois de escutado e cantado fervorosamente o Hino Nacional do Brasil, foram proferidas palavras circunstanciais mas muito sentidas, havendo até oportunidade para se proceder a merecidas homenagens (tendo eu sido um dos distinguidos). Foi o momento ideal para fazer entrega à ANAF do troféu MEL-2008, instituído por mim a quem contribuiu de forma superior com o meu sítio. Jorge Paulo, seu presidente, fez o favor de receber este merecido tributo para a entidade que tão bem me tem tratado. Quanto à palestra que proferi sobre Formação, foi curta em termos de tempo (o programa assim determinou), mas muito rica no seu conteúdo, face às imensas referências de fui alvo. A intervenção foi baseada e desenvolvida nos seguintes 10 pontos de orientação que defini como perfil para um responsável de excelência desta área tão peculiar: 1-Apresentação. 2-Ser-se objectivo, preciso e conciso. 3-Líder. 4-Capacidade para agir. 5-Responsabilidade. 6-Actualizado, pontual e assíduo. 7-Tolerante e bem disposto. 8-Excelente Relações Públicas. 9-Explícito na voz e no dialecto. 10-Orgulhoso do que faz. Se pretende ver informação mais pormenorizada sobre este tema, consulte: http://albertohelder.blogspot.com/2007/09/ser-formador.html
http://www.cartaovermelho.esp.br/index.php?name=Sections&req=viewarticle&artid=387&page=1

1 comentário:

alice disse...

oi amigo estou acompanhando suas reportagens sobre o encontro da arbtragem parabens quero te desejar uma feliz pascoa que DEUS te proteja e sua familia bjs saudades amigo